- sábado, 28 de maio de 2011



Não é uma bobagem como nós garotas gostamos de nos vestir! É um verdadeiro descanso, após um dia árduo de trabalho apenas colocar minha roupa de Mulher-maravilha!



Eu normalmente só coloco meu pijama, mas se eu tivesse botas assim não me importaria em ter que colocá-las sempre...!

- sexta-feira, 27 de maio de 2011


(O segredo revelado)

Nublado, com chance de Sol, pancadas de chuva ou quem sabe nevasca

Nunca confiei muito em previsão do tempo, especialmente para projeções de longo prazo. Se na terça-feira o fim de semana diziam que ia ser de sol, até sexta-feira poderia ter uma chance de 85% de precipitação. Mesmo com toda a tecnologia, meteorologistas e os especialistas que tentam criar premonições exatas do que estar por vir, a verdade é que ninguém realmente sabe como vai ser amanhã: imprevistos de chuva, calor demasiado, nada muito previsível.

A vida é assim, sabe? Você tenta olhar para frente e descobrir o que exatamente está vindo em sua direção, mas as coisas quase nunca saem do jeito que você estava esperando. Você provavelmente poderia fazer uma boa previsão agora sobre o que vai acontecer nos próximos anos de sua vida, mas dentro de um mês tudo poderia ser diferente. Isso é legal... eu acho. É emocionante saber que meu futuro é tão imprevisível. Sem spoilers para a vida. Não há previsão de 10 dias, ou de dez anos para essa matéria.

Você não pode saber como será o tempo no futuro. Apenas leve um guarda-chuva na mochila e espere o melhor.

A resposta é: 42

- quarta-feira, 25 de maio de 2011

In memorial: Douglas Adams



O dia da Toalha (25 de maio) não é apenas um dia em que todos saem com suas toalhas, mas sim um dia em memória a Douglas Adams (1952-2001), que escreveu o Guia do Mochileiro das Galáxias.

Dia da Toalha: Douglas Adams


Sentia que toda minha vida tinha sido uma espécie de sonho. Às vezes eu me perguntava de quem era esse sonho e se quem o construiu estava satisfeito.


Sabe-se que há um número infinito de mundos, simplesmente porque há um espaço infinito para que os haja. Todavia, nem todos são habitados. Assim,deve haver um número finito de mundos habitados. Qualquer número finito dividido pelo infinito é tão perto de zero que não faz diferença, de forma que a população de todos os planetas do Universo pode ser considerada igual a zero. Daí segue que a população de todo o Universo também é zero, e que quaisquer pessoas que você possa encontrar de vez em quando são meramente produtos de uma imaginação perturbada.


Há uma teoria que indica que sempre que qualquer um descobrir exatamente o que, para que e porque o universo está aqui, o mesmo desaparecerá e será substituído imediatamente por algo ainda mais bizarro e inexplicável... Há uma outra teoria que indica que isto já aconteceu.


Eu posso não ter ido para onde eu pretendia ir, mas eu acho que acabei terminando onde eu pretendia estar.


A toalha é um dos objetos mais úteis para um mochileiro interestelar. Em parte devido a seu valor prático: você pode usar a toalha como agasalho quando atravessar as frias luas de Beta de Jagla; pode deitar-se sobre ela nas reluzentes praias de areia marmórea de Santragino V, respirando os inebriantes vapores marítimos; você pode dormir debaixo dela sob as estrelas que brilham avermelhadas no mundo desértico de Kakrafoon; pode usá-la como vela para descer numa minijangada as águas lentas e pesadas do rio Moth; pode umedecê-la e utilizá-la para lutar em um combate corpo a corpo; enrolá-la em torno da cabeça para proteger-se de emanações tóxicas ou para evitar o olhar da Terrível Besta Voraz de Traal (animal estonteantemente burro, que acha que, se você não pode vê-lo, ele também não pode ver você – estúpido feito uma anta, mas muito, muito voraz); você pode agitar a toalha em situações de emergência para pedir socorro; e naturalmente pode usá-la para enxugar-se com ela se ainda estiver razoalvemente limpa. (Guia do Mochileiro das Galáxias)


Douglas Adams

25 de maio - Dia do Orgulho Geek/Nerd - Dia da Toalha

Direitos:


1. O direito de ser geek o quanto quiser.

2. O direito de não sair de casa nesse dia (ou não).

3. O direito de não gostar de futebol.

4. O direito de se associar a outros nerds.

5. O direito de ter poucos amigos (ou nenhum).

6. O direito de ter tantos amigos nerds quanto você quiser!

7. O direito de estar fora de moda.

8. O direito de estar um pouquinho acima do peso e de ser míope.

9. O direito de mostrar toda sua nerdice.

10. O direito de dominar o mundo!

Deveres:


* Seja nerd, não importa como.

* Tentar ser mais nerd do que qualquer outra pessoa.

* Se há uma discussão sobre algo nerd, você deve dar a sua opinião.

* Guarde e proteja todas as suas bugigangas.

* Faça tudo que puder para mostrar o quanto nerd você é, sem ter vergonha disso.

* Estude muito! Caso contrário perderá seu posto nerd.

* Sempre assista filmes de ficção científica e leia livros.

* Tentar dominar o mundo!

E o principal: "Don’t Panic, and always carry your towel."


Meu romance

- segunda-feira, 23 de maio de 2011
Minha vida parece um romance, um conto dramático que existe inteiramente à margem da minha imaginação. Quando eu estou no ônibus, quando estou em casa, quando estou na faculdade. Existem dezenas de personagens. Vítimas dessa trama forjada por quem? Quem sabe quem é qualificado para determinado papel? Por que me foi dado este papel? Seja lá qual for o gatilho, após o evento, eu passei alguns momentos felizes nas tecelagens dos meus neurônios. O lugar onde eu me insiro nos espaços em branco. Espero que não se importe, mas por muitos momentos esperei secretamente que a situação fosse muito mais profunda e significativa do que era.

... Eu nem sequer saí do meu pijama. Pra que se vestir, certo? E ele está ao avesso. Pra mim não faz diferença.

Eu sinto como se agora todos fossem capazes de concordar que as falhas que mais odiamos nos outros são as que mais habitam o medo de nosso próprio ser.

Minha mente é uma seda, mas minha boca...

Dentro do meu crânio há um fluxo de palavras com formas delicadas e bonitas. Na segurança do meu crânio vive uma entidade ousada e confiante que está pronta para triunfar. Mas quando chega a hora de falar, as palavras de forma imprudente e confusa colidem e muitas vezes elas nem sequer saem todas, agarrando-se ao conforto da minha mente e se recusam a serem proferidas. Suaves e eloquentes pensamentos finalmente emergem sob a forma de observações não medidas e totalmente sinceras, e às vezes grosseiras. A disparidade entre esses dois mundos é desanimadora, no mínimo.
- terça-feira, 17 de maio de 2011

Wonder Woman, Supergirl e Batgirl por Jim Lee



Abril, 1981

Rocks in my pocket

Às vezes é maravilhosamente excitante ter um segredo: uma pequena jóia preciosa de informações que só a sua mente e coração estão a par. No entanto, outras vezes é um fardo terrível carregar um segredo, algo que quer tão desesperadamente escapar do seu corpo como uma onda sonora em sua língua, pelo sopro da sua respiração, enquanto você busca a total liberdade.

Como um trabalho pesado, incapaz de se suportar, como correr com os bolsos cheios de pedras. E, de vez em quando, há momentos em que você está com alguém e você pode sentir o seu segredo subindo sua garganta, mas consegue engoli-lo de volta. Não, não agora. Não aqui. Não desta vez. Nem sempre, talvez. Então você se abaixa, pega algumas pedras, e suavemente entre os dedos as manuseia e então lentamente as coloca em seus bolsos​​.

Girls just wanna have fun! - 2

- quarta-feira, 4 de maio de 2011


Por: Andhora Silveira

Happy Star Wars' Day



May the fourth be with you!

Link: MayThe4th.StarWars.com

Por que ler?


Para quê ler? Eu sei que para alguns de vocês a pergunta é inútil. Nós lemos porque é necessário, como comer e respirar.

No entanto, tenho certeza de que tenho alguns amigos que não lêem nada ou quase nada. Alguns deles me dizem que só têm tempo para ler livros práticos ou técnicos, para avançar suas carreiras ou torná-los melhores pais. Eu estava caminhando para o mesmo caminho, apenas lendo livros técnicos para a faculdade, mas se você organizar bem o seu tempo, poderá encontrar espaço para fazer uma boa leitura diária. É o que venho fazendo.

Vamos admitir que a fuga tenha algo a ver com isso. Mesmo que você tenha uma ótima vida, às vezes é agradável habitar outra. E se você está passando por um momento ruim, bem, a leitura irá ajudar a superar.

E depois há o aspecto da experiência vicária, um livro tira a nossa noção de tempo e as limitações de espaço: podemos visitar o passado ou o futuro, viajar para um local exótico, ou imaginar o que é ser um atleta ou um soldado ou um monge.

E para mim, sugestão de leitura é uma forma de meditação. Nós certamente podemos encontrar inspiração na leitura. E tenho que dizer que eu aprendi muito do que sei sobre a história, cultura, ciência e investigação criminal pela leitura de ficção.

Mas eu acho que a razão mais importante para que eu leia é a busca por um "significado". Eu acredito que quando um autor escreve um livro, ele ou ela faz isso porque quer dizer que há algo significativo sobre como as pessoas vivem no mundo. E nós podemos aprender com isso. Em um mundo que muitas vezes parece ser aleatório, é maravilhoso ter o recurso dos livros.

Sei que alguns de vocês podem me achar um pouco estranha por isso, mas eu realmente amo ler livros. É realmente uma das minhas coisas favoritas, quando consigo me disciplinar e ficar parada por muito tempo.

Selecionei algumas razões pelas quais eu amo ler livros:

  • Através da leitura, eu posso ter experiências vicárias de outros lugares e culturas que nunca puder ainda visitar.

  • Através da leitura de livros, eu posso manter contato com alguns dos maiores pensadores de toda a história, ao invés de ficar confinada a tudo que existe dentro dos limites da minha geração.

  • Descobri que o exercício da leitura em si ajuda a aguçar minha mente e a desenvolver o foco e a concentração.

  • Leitura de livros me faz lembrar de meus pais, ambos são leitores vorazes e graças ao incentivo deles que desenvolvi o gosto pela leitura.

  • A página impressa torna fácil mover-se em qualquer ritmo que maximiza o aprendizado, roçando capítulos que contêm informações muito úteis.

  • Eu li coisas que abalaram a minha alma e mudaram a minha perspectiva de vida inteira. Boa leitura não é apenas uma atividade passiva, é uma experiência transformadora.


Como você se sente sobre isso? Talvez você gosta de ler por um motivo totalmente diferente. Eu adoraria saber de você!

Tudo o que você é e tudo o que você pode ser


Eu vejo as coisas pequenas e começo a inflá-las em minha mente, tomando projeções grandiosas. Minha mente corre ao longo do meu corpo, pensando no que possa acontecer futuramente. Então, é claro, acabo criando fantasias na minha cabeça e fico inevitavelmente em busca de torná-las reais, sem ninguém para culpar, senão eu mesma e minha imaginação fértil. É uma bênção e uma maldição ao mesmo tempo.


(Imagem via: Thierry Hennet)

As mulheres da Marvel, por Bruce Timm

- segunda-feira, 2 de maio de 2011

Família morcego, por Bruce Timm



Batgirl, Batman, Robin, Nightwing (Asa Noturna)

Amo o estilo de desenho de Bruce Timm.

Wonder Woman, por Bruce Timm

Back to Home Back to Top